domingo, abril 14, 2024
More
    HomePoderEscolas estaduais de 22 municípios do AM receberão R$ 19 milhões

    Escolas estaduais de 22 municípios do AM receberão R$ 19 milhões

    Publicado em

    spot_img

    Com a medida, mais de 64% das unidades da rede estadual serão alcançadas

    O governador Wilson Lima assinou, nesta terça-feira (22/02), 32 novas ordens de serviço para a revitalização de escolas estaduais no interior e na capital. Com a medida, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, vai alcançar a marca de 393 escolas revitalizadas, desde 2019. O número representa mais de 64% da rede de ensino.

    Além da capital, outros 21 municípios estão sendo contemplados com investimentos da ordem de R$ 19 milhões, divididos entre revitalizações e convênios.

    “Nós ficamos nos anos de 2020 e 2021 com as atividades letivas comprometidas, e a gente está num trabalho de revitalização e requalificação dessas unidades de ensino para dar mais conforto, tranquilidade, melhorar o trabalho para os professores e também para os alunos. O objetivo é melhorar esse processo de ensino-aprendizagem”, ressaltou o governador.

    Os deputados estaduais Abdala Fraxe, João Luiz, Therezinha Ruiz e Roberto Cidade, além de vereadores de Manaus e do interior, acompanharam a assinatura.

    Na capital, serão revitalizadas sete unidades de ensino. São elas: Escola Estadual (EE) Simon Bolívar, EE João Bosco Pantoja Evangelista, EE Benjamin Brandão, EE Professora Lenina Ferraro da Silva, Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Garcitylzo do Lago Silva, EE Belarmino Marreiro e EE Letício de Campos Dantas.

    Interior – No interior, serão revitalizadas 25 escolas estaduais em 21 municípios. As escolas estão nos municípios de: Anamã, Atalaia do Norte, Autazes, Barreirinha, Benjamin Constant, Boca do Acre, Borba, Envira, Fonte Boa, Guajará, Juruá, Manicoré, Iranduba, Nhamundá, Maraã, Tefé, Parintins, Santo Antônio do Içá, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença e São Sebastião do Uatumã.

    “A gente tem dado prioridade à educação, porque entende que esse é o caminho mais seguro que a gente pode pavimentar para nossas crianças e adolescentes. É a garantia de um futuro mais seguro para quem está frequentando a rede pública de ensino”, acrescentou Wilson Lima.

    Acompanharam a assinatura das ordens de serviço os prefeitos Chico do Belo (Anamã), Andreson Cavalcante (Autazes), Glenio Seixas (Barreirinha), Ruan Mattos (Envira), Gilberto Lisboa (Fonte Boa), Ordean Gonzaga (Guajará), José Maria (Juruá), Edir Castelo Branco (Maraã), Frank Bi Garcia (Parintins), Walber Ribeiro (Santo Antônio do Içá), Nazareno Martins (São Paulo de Olivença), Jander Almeida (São Sebastião do Uatumã), Nicson Lima (Tefé), Tico Bras (Caapiranga), Gamaliel Andrade (Tapauá) e Frederico Junior (Novo Airão).

    Também estiveram presentes a vice-prefeita de Boca do Acre, Luciana Lima, além de representantes dos municípios de Atalaia do Norte, Nhamundá e São Gabriel da Cachoeira.

    “Só existe um caminho para melhorar a qualidade de vida de um povo, que é através da educação. Parintins está recebendo a reforma da Escola Brandão de Amorim, isso é muito importante pois oferece um prédio de qualidade para que possamos ter cada vez mais educação de qualidade, principalmente no interior do Amazonas”, observou o prefeito de Parintins, Frank Bi Garcia.

    Desde 2019, o Governo do Amazonas já revitalizou 361 escolas, sendo 140 na capital e 221 no interior.

    Dentro do pacote de revitalização das unidades de ensino, estão incluídas melhorias nos sistemas elétrico e hidráulico, serviços de pintura geral, troca de telhados e, em alguns casos, ampliação de espaços comuns.

    “Nós precisamos melhorar, modernizar as nossas estruturas. Temos muita coisa nova, muita coisa boa sendo investida pelo Governo do Estado. O governador entrega, este ano, 100 laboratórios multifuncionais que vão até a área de robótica, para que a gente traga qualidade para todos os nossos estudantes do estado”, destacou a secretária de Educação e Desporto, Kuka Chaves.

    Convênio com Maraã – Além do pacote de revitalização de escolas, Wilson Lima também assinou, nesta terça-feira (22/02), convênio com a Prefeitura de Maraã (a 634 quilômetros de Manaus), para reformar a orla turística do município.

    O investimento total é de R$ 1.020.625,60, sendo R$ 1 milhão do estado e R$ 20.625,60 de contrapartida da prefeitura.

    Os serviços serão executados pela Secretaria de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra) e incluem pavimentação, construção de academia ao ar livre, lanchonetes e banheiros.

    Escolas a serem revitalizadas:

    • Anamã – Escola Estadual Duque de Caxias

    • Atalaia do Norte – Escola Estadual Tereza Lemos

    • Autazes – Escola Estadual Pedro Santarem Penalber

    • Barreirinha – Escola Estadual Jacy Dutra e Escola Estadual Nilo Pereira

    • Benjamin Constant – Escola Estadual Dária Gabriel (Indígena)

    • Boca do Acre – Escola Estadual Nossa Senhora Aparecida e Escola Estadual Coronel José Assunção

    • Borba – Escola Estadual Agostinho Góes (Indígena) e Escola Estadual Balbina Mestrinho

    • Envira – Escola Estadual Chagas Matos

    • Fonte Boa – Escola Estadual Nossa Senhora de Guadalupe

    • Guajará – Escola Estadual José Carlos de Medeiros Raposo

    • Manicoré – Escola Estadual Santo Antônio do Matupi (Indígena)

    • Iranduba – Escola Estadual Isaías Vasconcelos

    • Nhamundá – Escola Estadual Povo Indígena Hexkaryana (Indígena) e Escola Estadual Raimundo da Silva Melo

    • Santo Antônio do Içá – Escola Estadual Presidente Vargas

    • São Gabriel da Cachoeira – Escola Estadual Nossa Senhora da Assunção

    • São Paulo de Olivença – Escola Estadual Custódio Manuel

    • São Sebastião do Uatumã – Escola Estadual Armando Mendes

    • Parintins – Escola Estadual Brandão de Amorim

    • Tefé – Escola Estadual Eduardo Ribeiro

    • Juruá – Escola Estadual Armando Berredo

    • Maraã – Escola Estadual Prefeito Cícero Lopes da Silva

    Leia mais:
    Limpeza de aparelhos de ar-condicionado vai custar R$ 2 milhões aos cofres de Maués
    Prefeitura de Presidente Figueiredo gasta mais de R$ 1 milhão com pão e refrigerante
    Câmara de Parintins gasta quase meio milhão de reais com combustível

    Últimos Artigos

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...

    Saiba quais alimentos têm sódio em excesso identificados pela Anvisa

    Um relatório divulgado pela Anvisa revelou que 28% dos produtos industrializados monitorados entre 2020...

    Mais artigos como este

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...