terça-feira, maio 21, 2024
More
    HomePoderAmazonasTerceirizados da saúde anunciam greve de 70% dos serviços

    Terceirizados da saúde anunciam greve de 70% dos serviços

    Publicado em

    spot_img

    Representantes dos mais de cinco mil funcionários terceirizados que atuam na saúde pública do Amazonas estiveram nesta quarta-feira (6), na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), onde protestaram pelo pagamento dos salários atrasados. Os servidores anunciaram que, ainda nesta semana, iniciarão uma paralisação de 70% dos serviços nas unidades hospitalares. Os principais motivos da reivindicação dos terceirizados são a falta de pagamento dos salários, o recolhimento de benefícios como o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

    O pagamento de salários destes servidores da saúde já estão com atrasos de quase sete meses. De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores Terceirizados da Saúde (Sindipriv), enfermeira Graciete Mouzinho, a decisão do governo com as empresas terceirizadas não é o suficiente para os trabalhadores que estão sem receber os salários. “E mesmo dependendo dessa medida, lançamos o edital deflagrando a greve geral, parando 70% das nossas atividades, deixando 30% em pleno serviço, pois, o nosso trabalho é essencial e não podemos deixar de conceder assistência aos hospitais e maternidades”, afirmou.

    A reunião contou com a participação de alguns parlamentares, dentre eles da deputada estadual Joana Darc (PR). ”A gente está aqui para intermediar, para gente encontrar uma solução. A gente vai fazer uma conversa, ver o que a gente pode fazer como intermediador”, e acrescentou: “estou aqui me colocando à disposição. Não é uma tarefa fácil, mas acreditem, é preciso ter essa interlocução. Eu estou aqui porque eu sou uma mulher corajosa, que não foge dos debates e não foge dos problemas”, destacou a deputada. 

    A parlamentar também informou aos terceirizados que na próxima sexta-feira (8) a Assembleia Legislativa realizará uma reunião para debater o assunto.

    Por Cíntia Ferreira, do Portal Projeta

    Últimos Artigos

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...

    Saiba quais alimentos têm sódio em excesso identificados pela Anvisa

    Um relatório divulgado pela Anvisa revelou que 28% dos produtos industrializados monitorados entre 2020...

    Mais artigos como este

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...