sábado, maio 18, 2024
More
    HomePoderAmazonasWilson Lima participa de encerramento do Sínodo no Vaticano

    Wilson Lima participa de encerramento do Sínodo no Vaticano

    Publicado em

    spot_img

    O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), participou no último domingo  (27), da missa de encerramento da Assembleia Especial do Sínodo para a Pan-Amazônia, presidida pelo papa Francisco, na Basílica de São Pedro, no Vaticano. O chefe do Executivo amazonense foi ao país para a reunião 1ª Cúpula dos Governadores dos Estados da Pan-Amazônia da Organizações das Nações Unidas (ONU), que acontece nesta segunda-feira (28). A celebração religiosa de domingo contou ainda com a participação de indígenas amazonenses, movimentos sociais e instituições que lutam em defesa da Amazônia.

    Para o governador, foi muito emocionante participar deste encerramento. “Foi uma celebração emocionante. O papa falou do amor ao outro e citou a Amazônia e as discussões no Sínodo, algumas vezes, durante a homilia. O Sínodo dos bispos termina e amanhã nós vamos ter a 1ª Cúpula dos Governadores dos Estados da Pan-Amazônia e o que vamos defender aqui é algo alinhado com o que pensam os bispos e a Igreja”, afirmou Wilson Lima.

    O governador do Amazonas se reuniu, ainda, com dom Cláudio Hummes, relator geral do Sínodo da Amazônia, com o chanceler da Academia de Ciências do Vaticano, Marcelo Sánchez Sorondo, e com o presidente da Fundação Amazonas Sustentável, Virgilio Viana. Eles trataram da realização da 1ª Cúpula dos Governadores dos Estados da Pan-Amazônia e da importância das discussões para o futuro da região amazônica. 

    Durante o encontro, Wilson Lima destacou o posicionamento do Amazonas contra qualquer tipo de atividade ilegal praticada e defendeu a necessidade de promover a dignidade humana no processo de desenvolvimento sustentável. “O Amazonas tem bons exemplos de práticas de desenvolvimento sustentável, mas ele ainda caminha a conta-gotas e o que nós queremos é mostrar um posicionamento efetivo nesse sentido”, relatou o chefe do Executivo Estadual.

    Os governadores da Pan-Amazônia terão a oportunidade de apresentar propostas à Pontifícia Academia de Ciências do Vaticano e levar ao conhecimento do papa Francisco seus compromissos com o desenvolvimento sustentável da Amazônia, tendo como marco conceitual, a Encíclica Laudato Si, os resultados do Sínodo e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS). A partir da Cúpula de Governadores, os Estados amazônicos pretendem discutir com a comunidade internacional, soluções e mecanismos de financiamento inovadores para implementar políticas, programas e projetos estratégicos para o efetivo desenvolvimento sustentável da Amazônia, especialmente voltados a uma economia de baixas emissões.

    Por Cíntia Ferreira*
    *Com informações da Secom

    Últimos Artigos

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...

    Saiba quais alimentos têm sódio em excesso identificados pela Anvisa

    Um relatório divulgado pela Anvisa revelou que 28% dos produtos industrializados monitorados entre 2020...

    Mais artigos como este

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...