sábado, maio 18, 2024
More
    HomePoderBrasilBolsonaro afasta Paulo Guedes da Suframa

    Bolsonaro afasta Paulo Guedes da Suframa

    Publicado em

    spot_img

    A reunião do Conselho de Administração da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) deixará de ser presidida pelo ministro da Economia Paulo Guedes. A decisão partiu do presidente Jair Bolsonaro, que fez alterações na última sexta-feira (20), no decreto 9.912/2019, que dispõe sobre a composição do conselho. A motivação teria sido as polêmicas declarações do ministro, desmerecendo a Zona Franca de Manaus, com afirmações de que é “antieconômico e tudo mal feito”.

    Em julho deste ano, Bolsonaro havia definido que o ministro da Economia seria o presidente do Conselho de Administração da Superintendência da Zona Franca de Manaus. A reunião será realizada na próxima quinta-feira (26) e será agora presidida pelo secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), Carlos Alexandre da Costa, que substitui Paulo Guedes.  A pauta a ser analisada contém 26 projetos, sendo 5 de implantação e 21 de ampliação, atualização e diversificação. Estão previstos investimentos totais de US$ 133.6 milhões em até três anos.

    O deputado Serafim Corrêa (PSB) se manifestou nesta terça-feira (24) no Plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), dizendo que a ausência no ministro Paulo Guedes na reunião do conselho afasta os investidores. “A ausência de Paulo Guedes tem consequências. Exemplo disso é quando um empresário estrangeiro ver as declarações de Guedes na imprensa nacional contra o modelo da ZFM e vê que ele nem vem mais às reuniões. O empresário vai pensar duas vezes se vem para cá ou se vai para o Paraguai, Uruguai ou Argentina. O capitalismo só tem uma palavra: credibilidade, que vem com a segurança jurídica e aqui isso não tá acontecendo”, disse Serafim.

    Ainda, na opinião do parlamentar, o ministro da Economia quer se “livrar da Zona Franca”. “O objetivo disso é Guedes ficar livre disso aqui. Ele não vir aqui, significa que não será pressionado por ninguém e, muito menos pela imprensa. Lamento, porque cada vez mais estão diminuindo o tamanho e a importância da Suframa. A diminuição do orçamento foi uma prova disso. Se você voltar na máquina do tempo, 20, 30 e 40 anos atrás, a autarquia tinha orçamento para fazer convênios com Roraima, Amapá, Acre e Rondônia. Isso foi diminuindo e agora acabou”, lamenta Serafim.

    Sobre a Suframa

    A Superintendência da Zona Franca de Manaus é uma autarquia vinculada ao Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços que administra a Zona Franca de Manaus, com a responsabilidade de construir um modelo de desenvolvimento regional que utilize de forma sustentável os recursos naturais, assegurando viabilidade econômica e melhoria da qualidade de vida das populações locais.

    Por Cíntia Ferreira, do Portal Projeta

    Últimos Artigos

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...

    Saiba quais alimentos têm sódio em excesso identificados pela Anvisa

    Um relatório divulgado pela Anvisa revelou que 28% dos produtos industrializados monitorados entre 2020...

    Mais artigos como este

    Nível dos rios do AM é “preocupante”, diz Defesa Civil

    Em informativo à população compartilhado nesta semana, a Defesa Civil Estadual do Amazonas (DC-AM)...

    AM perde liderança no Norte na produção de ovos

    Com a produção de 520.956 ovos de galinha em 2023, o Amazonas perdeu a...

    Em dois meses, 17 pessoas morreram atropeladas em Manaus

    De janeiro a fevereiro de 2024, 17 pessoas morreram em atropelamentos em Manaus. O...